terça-feira, 3 de agosto de 2010

Regra para os Eremitérios

"Os irmãos que quiserem religiosamente viver nos eremitérios, não sejam nem menos de três nem mais de quatro. Dois deles façam o ofício de mães, e tratem o outro ou os outros como se foram seus filhos.
Os primeiros levem a vida de Marta, e os outros dois a vida de Maria. E haja um claustro, onde cada um tenha uma pequena cela para dormir e orar."
Regra para os Eremitérios (RE) 1-2

Boa tarde!!

Convido todos quantos hoje lerem esta partilha a meditar no serviço que prestamos aos outros.
Porque servimos os outros? Quais as nossa intenções? Esperamos algo em troca ou fazemo-lo como sinal de entrega e doação gratuitos?
Irmãos, são três questões que penso serem muito importantes para todos nós.
O serviço aos outros deve ser gratuito e de total liberdade na entrega; não devemos nunca esperar que nos aplaudam ou nos coloquem num pedestal só porque fizemos ou fazemos algum serviço pelos outros...

Façamos por acolher e servir os outros com carinho, dedicação e amor fraterno.
Façamos por ser um pouco de Marta e um pouco de Maria, para que o nosso serviço seja mais rico e completo.


Para todos, votos e uma boa tarde..


Frei Luís Mota


Sem comentários:

Enviar um comentário