domingo, 14 de abril de 2013

A ESTRADA DA VIDA


Durante a vida percorremos um caminho muito logo e cheio curvas, caminhamos numa estrada que nunca é linha recta.

Estrada sempre cheia de curvas, a que chamamos dificuldades, crises, obstáculos e outros nomes.

Estrada com muitas lombas, a que chamamos desilusões, pneus furados, momentos de impasse.
Mas a estrada tem muitos sinais de trânsito, que nos orientam e alertam para os perigos: o stop, as curvas, a que chamamos fracassos.

Esta estrada põe-nos sempre em permanente desafio, perante as dificuldades e crises. Basta que tenhamos:
fr. Damião Nhampossa
Um motor chamado fé;
Uma segurança chamada Jesus;
Um motorista chamado palavra de Deus;
E um combustível chamado oração;
Tendo em acção todos estes meios, facilmente podemos caminhar seguros. E a nossa meta chama-se vitória.
Então estacionaremos numa paragem chamada PAZ E SEGURANÇA.


 

                                         
                                                   PAZ BEM!

2 comentários:

  1. Cá vai o meu comentário. Sempre me alegro com os vossos trabalhos, partilhados com os nossos amigos que nos visitam neste Blog. Parabéns, Frei Famião. O teu esforço por crescer manifesta-se também na melhoria da qualidade dos teus escritos. Continua, pois vale a pena. Um abraço fraerno.

    ResponderEliminar
  2. Eu também sou um visitante deste blog, mas fazo-o de maneira anónima, mas nesta oportunidade fazo uma excepção. Obrigado pelas estas janelas de primeira mão a modo de diario pessoal de muitos dos novicios do Convento de Santo Antonio de Varatojo, ofereçem aos visitantes deste blog.

    Pax et bonum
    Alberto dos Santos.

    ResponderEliminar